28 maio 2016

Prisão da Mente

Migrei pra um universo infinito 

É lá onde meus pensamentos pairam
E é lá onde eu os organizo
É um mundinho aparentemente simples
Mas que carrega toda uma complexidade
Que nem mesmo eu posso comandar
As vezes me perco por lá
Só as vezes
Mas meio que virou rotina
Virou necessidade
Até que caiu num vicio
De não querer mais voltar
Pra uma realidade
Que tanto me desmotiva
A continuar participando 
Tanto que me puxam
Pedem pra voltar
E de alguma maneira quero voltar
Mas continuo agarrado a ele
Porque é mais fácil 
De suportar
E me esconder por lá
Quando o que me é dado

Não me satisfaz
E quando eu tiro uma folga
Só me faz querer voltar
Quem vê até diz
Que na verdade é uma prisão
A casa que eu chamo de mente
É a minha prisão particular
Mas como algo me aprisiona
Sem algemas e sem grade?
Se eu posso ir e vir?
Mas que quando me perguntam
Eu digo "Prefiro ficar".


6 comentários:

  1. Lindo poema e bem profundo tbm, gostei!
    Vou ter que dizer de novo: amei o layout <3

    Beijos
    Inverno de 1996

    ResponderExcluir
  2. Que lindo poema! É de sua autoria? Adoraria comentar sobre ele no meu blog qualquer dia desse, você me permite?
    Adorei seu cantinho, embora seja um pouco triste não conhecer o rostinho da blogueira. Mas tudo bem, com auto estima não se brinca, já passei por isso. Inclusive tem alguns posts sobre e pretendo tbem comentar como consegui (ou quase) no complexo de inferioridade. Você é minha convidada especial. Um beijo da Bru <3 http://devaneiosbm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo comentário ! Sim, é de minha autoria, e seria uma honra você comentá-lo em seu blog, fique a vontade. Fiquei muito feliz com seu comentários, Bru :) Espero que retorne. Um beijo :*

      Excluir
  3. Olá, tudo bom?
    Cara, que poema mais lindo. Sério, me identifiquei bastante.
    A nossa mente é uma coisa complicada e linda, é tão magnifico.
    Adorei o seu blog <3

    http://s-sessaoproibida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bem, e você?
      Que bom que gostou, obrigada por comentar <3 Um beijo.

      Excluir

©
Winter Birds - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Amanda Vitória.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo